Tradutor/Translator

18 de fev de 2009

Era uma vez...


Julia parou com a chave na mão em frente à porta, levemente embriagada. Torceu sem força o nariz do rapaz e começou:
- Não gosto que me acordem antes das nove, quando é domingo, e amanhã é domingo, entendeu? Bem, já aviso que eu babo um pouco, mas não é uma coisa que se diga “meu deus, que lagoa”, é normal, como todo mundo, garanto que você, com essa cara de badboy, baba também...ah, deixa disso! Olha só, não durma de meias, o-de-i-o homem do meu lado de meias e por favor, quando entrar, deixe o sapato ao lado, no escaninho, certo?

Abriu a porta e ele entrou, em silêncio. A casa toda no escuro, só um abajur se antevia na sala.

- Gosto de fazer bacon com ovos pela manhã, já serve como uma refeição para o dia todo e pra ser sincera, é a única coisa que eu sei fazer. Ah, olhe, essa é a Maga, minha gata (cumprimente o rapaz, bobinha). Maga é a pessoa que eu mais amo no mundo. Eu disse pessoa? Não, está enganado. – disse, já tirando as meias 7/8.
- Quando fizer xixi, por favor, levante a tampa do vaso e mire bem no meio, certo? Depois, tampe e feche a porta, detesto portas de banheiro abertas. Aliás, não gosto de nenhuma porta escancarada. Não gosto que reclamem do pó dos móveis e nem quando eu quero ficar só de camisetão e calcinha no domingo sem pentear os cabelos. Puxa, eu trabalho a semana inteirinha de terninho. Taí uma coisa que eu o-de-i-o também! Terninhos! Devíamos trabalhar nus, que acha? Aliás, a roupa deveria ter apenas uma função orgânica, frio e calor, no máximo umas flores pra enfeitar...Falando nisso, eu tenho alergia a flores, nunca traga flores, a não ser tulipas, essas podem. E só se for sem motivo, não suporto essas flores de datas especiais, como aniversário e dia dos namorados, têm coisa mais constrangedora? A pessoa sabe que vai receber e tem que fazer cara de surpresa. Ridículo. – hmmmmmm – Olha, eu sei que entramos agora pela segunda porta de um relacionamento, primeiro te conheci, agora, estamos aqui, então, tenho que deixar algumas coisas bem claras, pra evitar aborrecimentos futuros, sabe? Eu já sou gata escaldada, sei como essas coisas funcionam...aí não...não...tá bom....Bem, não gosto que me enganem, e creia, isso é bem difícil, li muitos livros de leitura corporal, saca? Sei ler essas paradas todas. – ahhhhhhhhhh, você puxou meu cabelo! – Como estava dizendo, eu sou uma pessoa bacana mas não tolero, não admito, não aceito, não...ahhhhhhhhh, deu....

Julia deslizou para o lado e dormiu feito princesa, sabendo que o príncipe encantado de olhos verdes nunca mais voltaria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tua vez, aproveite.